terça-feira, janeiro 03, 2006

Futebol: Mais um risco pisado por Polga

Ora bem...já vamos no dia 3 de Janeiro de 2006 e andamos com a costumeira novela brasileira anual...mudam as personagens, mantem-se o problema.

Curiosamente, este ano Liedson (a personagem da época passada) disse logo à saída de Portugal quando voltaria...e cumpriu...foi esperto e comprou bilhete de ida e volta...Polga e Deivid...nem vê-los...cancelaram o voo deles? Então como é que isso explica um atraso de vários dias...não tem havido aviões?

Aparentemente tem existido ponte aérea entre Lisboa e Brasil, já que o presidente do Slb conseguiu ir ao Brasil e voltar...e até vieram uns amigos para andar à estalada por cá....não tinham 2 cadeirinhas para trazer os rapazes do Sporting com eles?

Se é imperdoável (multa pesadissima) o Deivid faltar tantos dias ao trabalho sem dar satisfações, que dizer do Polga? Sim...eu sei que não sou propriamente o membro nº 1 do Polga-fãn-club, mas...mais esta depois de se ter recusado a jogar no Sporting-Nacional da época passada e as constantes paragens cerebrais nos 90 minutos de cada jogo?

Como refere o joãoscp78 no Sector ....que mais é preciso para o Polga sair do clube??? Indisciplina já teve...falta de respeito pelo clube também já demonstrou (tal como o Liedson e agora o Deivid)...não era altura de deixar de ter escola de samba e começar a ter profissionais de futebol?

24 comentários:

bgvp disse...

O pior é que não me admiro que qd xegar leve uma proposta para renovar...mas por mim...era ja lista de transferencias ;)

Cherbakov disse...

Para mim nem voltavam os 2...eu até aprecio o Deivid, mas ou querem cá estar ou que façam como o Pinilla e vão pregar para outra freguesia

Cherbakov disse...

Outro exemplo da escola de samba que existe em Portugal...Marcel não tem contrato com a Académica? Não recebe dinheirinho pelo trabalho dele...dinheirinho que ele acordou quando assinou?

Qual é o problema dele...só tem que treinar, jogar e honrar o que assinou.

Miguel disse...

Cherba, se correres do Sporting todos os que já tiveram actos de indisciplina terá de correr com o Beto, Custódio, C. Martins, Sá Pinto, Douala, Liedson, Deivid e Polga.

Não se pode cair nesse exagero. Há dirigentes para resolver estes conflitos e o Paulo Bento já mostrou ter pulso para aguentar o balneário.

Thor disse...

Não sou um fã do Polga, mas tenho de concordar com o sector quando diz que existem na SAD dirigentes precisamente para resolver estas situações de imcumprimento. Agora já em termos puramente desportivos e de escolha da equipa para Braga, seria imconpreensivel que depois destes atrasos o PB os colocasse de inicio ou sequer no banco de suplentes. Penso que em abono da verdade, também não o irá fazer.

Peyroteo disse...

O Polga, além de ter um rendimento medíocre em campo, é useiro e veseiro em actos de indisciplina, não demonstrando qualquer respeito pela entidade patronal. Renovar contrato seria um erro grosseiro e uma afronta aos adeptos!

bgvp disse...

Mas tão ou não a preparar isso? Como diria Paulo Bento, diz me como treinas, dir-te-hei como jogas... e se não querem treinar não servem para jogar! Agr em termos de plantel não deixam de ser más influencias, não é por acaso que o Sporting não optou pelo mercado brasileiro mesmo tendo imensas propostas de jogadores em fim de contrato cm tmb n é por acaso dos 6 jogadores que sairam 4 eram brasileiros (Rogerio, Edson, Silva e Wender)e outro chileno (Pinilla), Sul Americanos são muito egoistas e raramente prezam o colectivo coisa de que P Bento não abdica...

Cherbakov disse...

Eu sei que estou a ser radical, mas sinceramente ando farto das novelas brasileiras...não estou a querer ser xenófobo, bons e maus profissionais existem em todas as nacionalidades, agora isto começa a ser costumeiro na américa do sul e acho que está na altura de se cortar a direito...

Razão tem o Soares Franco...mas o que é isto de férias de Natal? Já viram quantos jogos existem em Inglaterra nas épocas festivas?

É por essas e por outras que a Premier tem o campeonato que tem, com os estádios cheios e por cá é a miséria que se vê.

bgvp disse...

Pois é... e só uma pergunta... qtos de voces tiveram férias de natal? Eu não tive...no total so 2 dias de descanso neste periodo 25 de dezembro e 1 de janeiro. Pq é que os meninos que ganham milhões teem que ter?

TorcidaCaldas disse...

Essa é uma boa questão, as das férias.
Quem trabalha não tem férias natalicias por excelência, tem se as tirar durante o ano, no qual pode tirar 22 ou 23 dias úteis para férias, sendo que existem periodos continuos obrigatórios, mas tudo pode ser acordado com as entidades patronais, mas no futebol português é diferente, é tudo à grande ...

Quanto à escola de Samba, provavelmente, neste momento o SPORTING é a equipa com menos brasileiros na sua equipa[Liedson, Polga e Deivid] o que poderá ser um sinal de mudança, a meu ver, positiva.

Para quem começou com 7 brasileiros ...

SPORTING SEMPRE!

Nota: Braga de Verde&Branco!

Thor disse...

Concordo que é profissionalmente incompreensivel que os jogadores brasileiros incorram constantemente nestas faltas. Mas vamos deixar as decisões mais drásticas para a SAD. Quanto ás férias do Natal (bom tema para debate) para mim, não se justificam. Quando vivi em Inglaterra, na altura do Natal em particular na jornada de Boxing day (dia 26) verifiquei que os estádios enchem (ainda mais depressa). Mas é mais um dos problemas de "primma-donnas" dos jogadores portugueses que quando têm de jogar ao fim de semana e depois á 4ª feira e novamente ao fim de semana começam logo a reclamar e a desculpar os eventuais maus resultados com cansaço.
Quanto aos mercados sulamericanos, na minha opinião o mercado argentino é o melhor do mundo, e por isso não devemos deixar de explorá-lo.

bgvp disse...

Sempre se viu que criar grupinhos nunca foi positivo, mesmo qdo tinhamos o grupinho dos argentinos não era nada bom, antigamente os estrangeiros tinham que ser realmente mais valias porque a entrada de não nacionais implica uma perda constante de identidade e apenas se deve abrir vaga a estrangeiros que acrescentem qualidade e profissionalismo. Muitos até acrescentam uma das vertentes, é preciso as duas!

Cherbakov disse...

As saudades que eu tenho do tempo em que só podiam ser inscritos 6 estrangeiros e salvo erro jogar 3...isto antes da tugaespertice começar a casar tudo o q era estranja a torto e a direito com a mulher portuguesa...

Na altura havia jogadores não portugueses no campeonato, naturalmente, não havia era tanto desemprego de jogadores nem tanta qualidade mediocre...nem tão mau futebol, nem estádios tão vazios...

A massificação de estrangeiros nos campeonatos europeus só fez com que se perdesse a identidade nacional de cada liga e os contentores de jogadores mediocres que encostam os nossos jovens.

bgvp disse...

Bem e as equipas do Nacional e União da Madeira foram as primeiras a usar essa estratégia, apartir daí nada foi como dantes, tudo mudou e ao que parece apenas melhor no que diz respeito ao nivelamento do campeonato mas será que foi por cima ou por baixo? Inclino-me mais para baixo.

Aí está outro dos problemas, cada vez mais os nossos jovens talentos que podiam ser aproveitados ficam tapados por jogadores que no fundo até nem são nada de especial, é certo que há posições que Portugal não consegue formar mas ha outra que é impensável que s vá buscar elementos pq os que temos são dos melhores do mundo.

Ai que saudades do tempo em que estrangeiros eram estrelas.. ou pelo menos internacionais pelos seus países, podia falar do Balakov no Sporting, no Madjer no FC Porto ou no Ricardo Gomes no Benfica, podia falar de jogadores cm Abdel Ghany do Beira Mar ou mm Hassan do Farense, podia falar até mesmo do pé canhão maritimista Heitor, do boavisteiro Ricky ou do setubalense Yekini....

Cherbakov disse...

Outra coisa interessante que acontece em Inglaterra, são as "work permit" apenas fornecidas a jogadores que tenham feito uma % de jogos pela selecção nos ultimos tempos ou oriundos da UE...impensável por cá também...igualdade de direitos para os camiões de brasileiros...relembrem-me lá porquê?

Croissants disse...

Thor, concordo inteiramente contigo quando dizes que o melhor mercado sulamericano é o argentino, porque o campenato é o mais semelhante e os jogadores estão mais preparados para jogarem na Europa.

bgvp disse...

É verdade sim srs, o futebol argentino tem caracteristicas muito mais europeizadas que o brasileiro, no brasil joga-se muito tecnicamente e pc tacticamente e ja se sabe que na Europa a tactica sobrepõe-se a técnica, já na argentina ha uma mistura explosiva das duas vertentes.

joaoscp78 disse...

E por aquilo que me dizem lá no Sector, Deivid é o próximo a ir...fica muita coisa por explicar!!!

Thor disse...

Se tivesse ido antes, ainda iamos a tempo, e com dinheiro, para comparar o Pisculichi que entretanto teve que decidir a vidinha dele e assinou pleo Maiorca (vamos ser honestos tem lá o treinador compatriota Hector Cuper). É com mágoa que digo isto, porque sou fã do Deivid enquanto futebolista de qualidade, que afinal de contas é o que pretendemos no nosso grandioso clube.

Apre disse...

A indisciplina no Sporting é uma vergonha, felizmente o Bento tem mão pesada.

Bom ano 2006 para o Canal e o Sporting.

O Sporting deva era meter meia duzia de capangas no aeroporto à espera do Polga e do Deivid!

bgvp disse...

Hoje dizem que eles já embarcaram vamos ver se é verdade, seja como for tem que ser sancionados severamente porque isto é uma vergonha, ao que parece o William Souza do Boavista tb anda sumido, a juntar ao Marcel que nao quer treinar e um ou outro de outros clubes assim não dá... que falta de profissionalismo.

Obrigado pelo Bom Ano Apre, para ti e tdos os teus te desejamos em dobro ;) e ja agora para o belenenses muitas vitorias excepto contra o SPorting lol

Cherbakov disse...

Anderson Polga está de regresso a Portugal, sete dias depois do previsto. O central brasileiro chegou esta manhã e deve apresentar-se à tarde no treino da equipa.

Uma semanita de atraso...não tinha sido mais rápido voltar de barco?

bgvp disse...

Também tens que fazer um desconto, da fazenda dele a Porto Alegre (capital estadual) são 7horas de carro... :p o homem tinha mm que demorar 7 dias pa chegar ca lololol

VaKa disse...

Sejamos realistas:
90% (talvez mais) dos brasileiros, que vêm para o futebol português, não tem outra ideia em mente que não seja mostrar-se para rumar a Espanha, Inglaterra ou Itália (mesmo quando vêm com as tangas de conhecerem a língua, o clube, a comida, o sol ou a Karen Jardel...).
Casos como os do Douglas, Luisinho, André Cruz ou Rogério, são raríssimos e é por isso que permanecerão sempre na nossa memória. Os restantes têm de ser encarados como activos que nos interessa valorizar para vender, no espaço de 1 ou 2 épocas, realizando mais valias. Sem contemplações e com mão "duríssima" perante casos de indisciplina, sem alaridos nos jornais.
Abraço leonino,