segunda-feira, dezembro 19, 2005

Futebol : Convocados para o jogo do ano

A pouco mais de 24 horas do jogo mais importante do ano, Sporting-Rio Ave, saiem os convocados.

Vejo com agrado que Carlos Martins volta aos 18, após a lesão que deixou a equipa uns furos bem abaixo da qualidade que vinha a demonstrar, quando ele era titular.

Vejo também que Beto continua de fora, o que mostra que Paulo Bento corta completamente a direito...não vê nomes e se não confia no jogador por alguma razão...está fora.
Pode-se gostar do Beto ou não (eu até o aprecio) mas dou razão ao Paulo Bento...ele é que tem de escolher pelos seus critérios...estejamos de acordo ou não...seja qual for o jogador.

Seguem os convocados

Guarda-redes: Ricardo e Tiago.

Defesas: Tello, André Marques, Tonel, Rogério, Miguel Garcia, Polga.

Médios: Custódio, Carlos Martins, Nani, João Alves e João Moutinho, Wender.

Avançados: Douala, Sá Pinto, Liedson, Deivid.

11 comentários:

bgvp disse...

Eu também gosto mto do Beto mas se o treinador não o convoca deve ter motivos, ele é que trabalha todos os dias com os jogadores. Xega de atrapalharmos o trabalho dos treinadores, eles fazem o melhor pelo clube, não são eles é que marcam e falham golos.

Boa entrada a do Martins espero que em boa forma de novo.

Está ai a base pa 2ª volta... é já pa ganhar!

Thor disse...

Espero que o Carlos martins só jogue se estiver em plenas condições para o fazer, também não estou a vêr o Paulo bento fazê-lo de maneira diferente. O Beto neste momento não tem lugar na equipa. A realidade é essa. Tonel tem estado muito bem e Polga parece mais empenhado e a subir de forma. Talvez oportunidade do beto seja como lateral direito em janeiro, após saída do Rogério.
Confio nestes homens, vamos ganhar. FORÇA SCP!

bgvp disse...

Hummm sim o P Bento n deve inventar mt. A dupla de centrais é para manter e Beto ao que parece vai sair mesmo...

Krassimiro disse...

Com estes ou com outros só a vitória interessa, pois já perdemos pontos a mais.. principalmente em casa.

O Beto vai sair? Será desta que vai para o Real? ehehe ;)

PS: Atenção eu também sou dos que aprecio o Beto! Além do mais é das nossas camadas jovens, tem muitos anos de clube e pode transmitir a mística leonina aos mais novos.

Winters disse...

Sejam os jogadores que entrarem em campo, que entrem para ganhar e FORÇA SPORTING!!!!

Thor disse...

Espero que o Beto fique, podemos vir a precisar dele para lateral. Aumentava bastante a altura da defesa nas bolas paradas. Estamos fartos de levar golos de bolas paradas, lembram-se no Gil foram 2.

bgvp disse...

É um facto, sofremos golos demasiados em bolas paradas, mas não se pode culpar só a defesa. Todos tem responsabilidades nas bolas paradas e problema da altura ve-se também aí... mto pouco jogo de cabeça de todos os jogadores... Bons no jogo aereo quem? Tonel? Custodio? Quem mais?

Thor disse...

Exactamente. Partindo do principio que as marcações nas bolas paradas são feitas homem-a-homem, o jogo de cabeça é muito importante mas não só. O mais importante na marcação homem é nunca deixar de sentir o adversário e mantêr sempre os olhos na bola. Sem dúvida temos um défice de capacidade aérea na equipa, embora jogadores como Sá Pinto, Moutinho, Martins, tenham obrigação de ser minimamente eficazes na cobertura das bolas paradas dos seus adversários directos considerando que não serão certamente os adversários mais perigosos nesses lances. Esses já estão com o Tonel e o Polga.

bgvp disse...

Não só Thor, repara... os mais perigosos elementos em bolas paradas normalmente são os defesas centrais adversarios e sabendo que muitas equipas jogam com 3 ou 4 centrais e tantos trincos disfarçados, possuem 4 ou 5 jogadores k terão que ser marcados pelos avançados. Muita gente pedia o Pinilla em muitos jogos mas em mts jogos que entrou foi ele que falhou na marcação individual em bolas paradas, poucas pessoas reparam nesses pormenores mas temos que estar atentos.

Thor disse...

A marcação tem de ser ensinada pelos treinadores da formação. Faz parte da formação básica enquanto jogadores. Agora por exemplo o Liedson, trabalhava na caixa do supermercado 1 ano antes de o irmos contratar ao Corinthians, não tem formação de base, daí tantos off-sides. Corrida paralela ao longo da linha defensiva adversária e só depois disparar para a bola. Chama-se a isso "beat the off-side trap", vençer a armadilha do fora-de-jogo.

bgvp disse...

Bela análise Thor, um dos problemas do levezinho queda para ficar em fora de jogo, não é de hoje é mesmo um problema de formação ou falta dela mas que podia ser melhorada com a colaboração de todos.