domingo, novembro 27, 2005

Futebol: Sporting 2-0 Vitória de Guimarães - Análise Individual

Ricardo (4) - No seguimento do jogo de Penafiel, Ricardo mostrou-se segurissimo, alternou o bom com o óptimo e esteve sempre atento em todas e quaisquers situações, sem ele o zero na nossa baliza não seria possível, Ricardo mostra mais uma vez estar a subir de forma.

Rogério (3) - Regular é o que se pode dizer do lateral direito brasileiro, não esteve exuberante mas esteve sempre disponivel para ajudar a equipa quer em acções ofensivas quer defensivas.

André Marques (3) - Actuação personalizada do jovem lateral formado na Academia Sporting, intransponivel a defender, menos bem a atacar, a sua estampa fisica é uma ajuda quer em jogo corrido quer em jogo parado.

Tonel (4) - Tonel esteve insuperável no jogo aéreo, é sempre o bombeiro de serviço, onde a bola vai, lá vai Tonel tentar cortar, é um daqueles centrais à moda antiga, não brinca e é disso que precisamos.

Polga (3) - Menos bem que na semana passada mas mesmo assim suficiente para controlar o jogo ofensivo do Vitória, em mais um jogo sem sofrer golos Polga também terá que ter algum mérito.

Custódio (3) - Invisivel como quase sempre, o hoje capitão do Sporting mostrou mais uma vez que quando menos se vê, melhor joga, Custódio é o esteio do Sporting, a ligação defesa-ataque, está em súbida.

Carlos Martins (4) - Impressionante a técnica e a vontade deste jogador que tem tudo para explodir mas que teima em não o conseguir, hoje foi daquelas exibições de nota 5, brilhante no dinamismo e na marcação de bolas paradas, um reparo apenas no aspecto disciplinar daí o 4.

Moutinho (4) - João, o pequeno, é um dos grandes, nos momentos mais dificeis ele está lá, não vira a cara a luta, não desiste de uma bola, vai a todas, em termos de atitude merece nota 5, precisa de aperfeiçoar certos pormenores, hoje podia estar melhor mas esteve bem.

Nani (4) - Desequilibrador como poucos, este miudo tem pinta, é daqueles que não engana, a extremo ou a médio de ataque Nani não se esconde do jogo, parece que tem mais idade do que realmente tem, maturidade avançada.

Douala (3) - Hoje a jogar mais na frente, estava a ter uma actuação incisiva até se lesionar, um problema muscular que de certo o vai afastar por várias semanas, estava a levar o Sporting para a frente pecando apenas na finalização.

Deivid (3) - Lento, inadaptado e matador, não era isto que parecia Jardel, pois Deivid desta fez-se de matador e resolveu como poucos, Deivid tarda em brilhar mas mais uma vez fez aquilo que lhe competia, marcou e decidiu, lançou o Sporting para uma bela exibição.

Sá Pinto (3) - Ricardo Coração de Leão, entrou cheio de vontade e desta vez entrou melhor que nos jogos anteriores, foi um importante apoio ao meio campo numa altura decisiva em que os vimaranenses começavam a impor-se.

Wender (2) - Apagado o brasileiro tarda em impor-se, mais uma oportunidade desaproveitada.

Luis Loureiro (2) - Pouco tempo em campo, nada a referir, mais um para ajudar a defender.

4 comentários:

Cherbakov disse...

Não vi um erro no Ricardo...foi o melhor jogo no Sporting...nota 5 sem duvida alguma.

Peyroteo disse...

Boa exibição colectiva! O Sporting está a crescer e hoje contou com um Ricardo em bom plano mas, acima de tudo, com Carlos Martins ao seu nível e um Nani cada vez mais influente...

Krassimiro disse...

Boa análise!

Apenas um comentário à exibição do Polga . Ele tem, pelo menos, o mérito de não ter inventado e enterrado a equipa com as suas características falta de atenção e concentração. Só aí já ficámos muito a ganhar!

bgvp disse...

Sem duvidas o Polga tem inventado menos, será por já não estar lá quem ele tanto queria queimar?